Confusão entre garotas de programa termina com duas presas em Dourados

Denúncia contra duas garotas de programa na tarde de ontem (10/10) resultou na prisão de ambas pela prática de roubo. O caso ocorreu após mulher perceber a falta de R$ 300 de sua bolsa e olhar a ação delas nas câmeras de segurança de uma casa de massagem a qual também atua, no Jardim Guanabara, em Dourados. 

Conforme a ocorrência, as suspeitas têm 24 e 18 anos e moram, respectivamente, no Jardim Ouro Verde e Jardim Água Boa. 

A vítima, de 21, disse ter percebido a falta do dinheiro e após consultar nas imagens, percebeu a mais nova mexendo na bolsa, sem pegar nada. 

Em seguida, a jovem começa a dobrar algumas toalhas, porém, sempre observando a porta para avisar sobre a possível chegada de pessoas no cômodo do imóvel, enquanto a comparsa pegava o dinheiro. 

Ao observar a ação, a vítima questionou a colega de serviço que relatou ter mexido na bolsa e não encontrado o dinheiro. 

Em seguida, elas se deslocaram até a casa da autora do crime. Lá, além de negar o fato, segundo o boletim de ocorrência, ela se apossou de uma faca e expulsou todos do local. 

A Polícia Militar foi acionada e durante a abordagem, a suspeita confessou ter pegado R$ 300 e já teria usado R$ 100. 

Encaminhadas à delegacia, o delegado autuou as duas mulheres envolvidas por roubo – e não furto – por entender que houve ameaça no decorrer da ação. Elas estão numa das celas do 1º Distrito Policial de Dourados. 

Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Foto Arquivo DOURADOS NEWS

DOURADOS NEWS

Algum comentário?