Fazendeiro de MS impede passagem e etapa do Rally dos Sertões é interrompida

A primeira etapa do Rally dos Sertões 2019, que compreende o trecho entre Campo Grande e Costa Rica, foi interrompida ontem(25), após um fazendeiro sul-mato-grossense, que havia dados autorização para passagem da prova, mudar de ideia e impedir que os competidores entrassem em sua propriedade. A organização do evento não divulga o percurso por questões de segurança.

A largada oficial da 27ª edição do Rally dos Sertões ocorreu na manhã deste domingo, na Feira Central, em Campo Grande. Após deixar a Capital, os pilotos e navegadores percorrem 487 quilômetros até Costa Rica, na região norte do Estado, primeiro destino da prova.

Com a recusa do proprietário rural em dar passagem para os competidores, a prova foi interrompida para carros e UTVS, enquanto motos e quadriciclos não tiveram alterações no trajeto.

Organização não detalhou os motivos alegados pelo fazendeiro para impedir a passagem, que já tinha sido autorizada anteriormente.

Nesta segunda-feira (26), os competidores deixam Mato Grosso do Sul, na segunda etapa do Sertões 2019, e só param após 639 quilômetros, em Barra do Garças (MT). 

A edição de 2019 do maior rally das Américas teve larga em Campo Grand e percorre 4.887,59 quilômetros – dos quais 2.832 quilômetros de especiais cronometradas – até Aquiraz, no Ceará. Serão nove cidades anfitriãs e seis estados. 

Por GLAUCEA VACCARI

Foto: Álvaro Rezende / Correio do Estado

CORREIO DO ESTADO

Algum comentário?